Cultura Música

29/09/2021 | domtotal.com

Caetano e Tom Veloso representam o Brasil na categoria 'Gravação do Ano' do Grammy

Nana Caymmi concorre na categoria 'Álbum do Ano' e Giulia Be como 'Artista revelação'

Caetano Veloso e seu filho Tom Veloso
Caetano Veloso e seu filho Tom Veloso Foto (Aline Fonseca / Divulgação)
Caetano Veloso se apresenta durante um protesto contra o então presidente Michel Temer, na praia de Copacabana, Rio de Janeiro, em 28 de maio de 2017
Caetano Veloso se apresenta durante um protesto contra o então presidente Michel Temer, na praia de Copacabana, Rio de Janeiro, em 28 de maio de 2017 Foto (YASUYOSHI CHIBA/AFP)

Caetano Veloso e seu filho Tom Veloso são os únicos brasileiros a disputarem a categoria Gravação do Ano da 22ª edição do Grammy Latino, que anunciou sua lista de indicados pela Academia Latina da Gravação nessa terça-feira (28).

Entre os brasileiros indicados às principais categorias do prêmio está também Nana Caymmi, única brasileira a concorrer na categoria Álbum do Ano com Nana, Tom e Vinícius.

A cantora Giulia Be é a única artista brasileira a concorrer na categoria de Artista Revelação. "Este é um sonho que se tornou realidade, não apenas para mim, mas para cada garota que está compondo música em seu quarto agora, mantenha sua fé e seus sonhos", escreveu no Instagram.

O sambista Martinho da Vila também será o único brasileiro a receber o prêmio honorário à Excelência Musical pelo conjunto de sua obra. Outros nomes brasileiros também lideram as categorias de música em língua portuguesa, como Anavitória, Nando Reis, Vitor Kley, Duda Beat e a banda sertaneja Barões da Pisadinha.

Os maiores prêmios de música em espanhol e português voltarão a ser entregues em uma cerimônia presencial no dia 18 de novembro na MGM Grand Garden Arena, em Las Vegas, depois de ter sido virtual em 2020 por conta da pandemia de coronavírus.

O cantor colombiano Camilo e o dominicano Juan Luis Guerra lideram a lista de indicações do Grammy Latino. Camilo, que ganhou seu primeiro Grammy Latino no ano passado, foi indicado em dez categorias, incluindo Canção do Ano, Gravação do Ano e Álbum do Ano. O dominicano Juan Luis Guerra alcançou seis indicações, entre elas Gravação do Ano e Álbum do Ano.

Participação feminina

As três principais categorias são dominadas por homens, porém, a presença feminina ganha destaque com a colombiana Paula Arenas, que compete em todas com A tu lado e Mis amores.

Para a gravação do ano, está também a venezuelana Evaluna Montaner, com Amen, em que divide vozes com o pai Ricardo Montaner, o marido, Camilo, e os irmãos da dupla Mau e Ricky.

A colombiana Karol G, que teve quatro indicações no ano passado, só teve uma neste ano, com Bichota, de melhor performance no reggaeton.

As mulheres prevaleceram na categoria de Artista Revelação, na qual seis disputam o prêmio entre onze indicados.

O artista de reggaeton Bad Bunny, que arrebatou as indicações em 2020, concorre em quatro categorias, incluindo álbum do ano, com A última turnê mundial. Embora não tenham dominado as indicações gerais, os representantes do gênero, que conquistaram categoria própria pela primeira vez na última edição após anos de protestos, disputam as categorias mais importantes da noite.

O cantor e compositor panamenho Rubén Blades será homenageado como "Pessoa do Ano" em uma cerimônia que acontecerá no dia 17 de novembro, um dia antes da cerimônia geral de premiação.

A Academia recebeu mais de 20 mil inscrições em 53 categorias para esta edição, cuja cerimônia será realizada em 18 de novembro em Las Vegas.

"A música latina ganhou popularidade em todo o mundo. A comunidade latina não é apenas um dos grupos mais demográficos, mais numerosos e de mais rápido crescimento nos Estados Unidos, mas sua música também é mais popular do que nunca", declarou a Academia Latina da Gravação em comunicado.


AFP/Dom Total



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!