Mundo

12/10/2021 | domtotal.com

Burkina Faso proíbe organização humanitária de trabalhar em campos de refugiados

ONG norueguesa NRC denuncia que as autoridades demoram semanas para registrar os refugiados que buscavam receber comida e outros tipos de ajuda

Menina em campo de refugiados internos no norte de Burkina Faso
Menina em campo de refugiados internos no norte de Burkina Faso (OLYMPIA DE MAISMONT/AFP)

Burkina Faso proibiu uma ONG norueguesa de trabalhar nos campos de refugiados internos vítimas da violência jihadista no país do oeste da África, que, pela primeira vez, vetou uma organização humanitária internacional.

"Decidi suspender imediatamente as atividades do Conselho de Refugiados Norueguês (NRC) nos campos de deslocados", anunciou em carta com data de 27 de setembro a ministra de Ação Humanitária, Helene Marie Laurence Ilboudo, que acusou a organização de "desacreditar o governo".

O NRC, que não comentou a decisão, denunciou em meados de setembro que as autoridades demoravam semanas para registrar os refugiados que buscavam receber comida e outros tipos de ajuda, o que obrigava essas pessoas a retornar a áreas de risco.

O norte do país é atingido desde 2015 pela violência de grupos jihadistas, que já causou cerca de 2.000 mortes.


AFP



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!



Outras Notícias