Coronavírus

25/11/2021 | domtotal.com

Máscara em ambiente aberto será flexibilizada dia 11 de dezembro em SP

A capital paulista alcançou nesta quarta-feira (24) a marca de 100% da população adulta vacinada contra a Covid-19 com a segunda dose ou dose única

Em lugares fechados e no transporte público, o uso de máscara seguirá obrigatório
Em lugares fechados e no transporte público, o uso de máscara seguirá obrigatório (Abr)

O governo paulista anunciou nesta quarta-feira (24) a flexibilização do uso de máscara em áreas abertas no estado a partir de 11 de dezembro. A medida foi orientada pelo Comitê Científico do estado a partir de dados do avanço da vacinação e do cenário epidemiológico. Em lugares fechados e no transporte público, o uso de máscara seguirá obrigatório.

Um novo decreto com as mudanças será editado e publicado no Diário Oficial de SP nas próximas semanas, informou o governador João Doria. 

“São mais de 34,4 milhões de pessoas acima de 12 anos completamente imunizadas, ou seja, com duas doses do imunizante do Butantan/CoronaVac, da Fiocruz/AstraZeneca/Oxford e Pfizer/BioNTech, além da dose única da Janssen”, informou o governo, em nota.

A decisão foi amparada, também, em análise do impacto da liberação de 100% da capacidade de público em eventos culturais, esportivos e de lazer. A lotação máxima está permitida desde 1º de novembro. De acordo com a secretaria de Saúde, as análises não indicaram aumento no cenário epidemiológico nos últimos 20 dias.

O secretário de Saúde, Jean Gorinchteyn, destacou a necessidade de que, quem ainda não tomou a segunda dose da vacina, retorne aos postos para se imunizar.

100% da população adulta com esquema vacinal completo

A cidade de São Paulo alcançou nesta quarta-feira (24), a marca de 100% da população adulta vacinada contra a Covid-19 com a segunda dose ou dose única.

O desafio agora é avançar com a imunização entre adolescentes de 12 a 17 anos para completar o esquema vacinal. Quem tem mais de 18 anos e tomou a segunda dose há pelo menos cinco meses também pode tomar a dose de reforço.

A partir desta quinta-feira (25), equipes da Secretaria Municipal da Saúde vão às escolas da rede municipal e estadual para aplicar a segunda dose da vacina nos adolescentes. Os pais e responsáveis, porém, devem assinar um documento autorizando a imunização.

“Com a vacinação nas escolas, será possível completar o ciclo vacinal dos adolescentes e garantir as segundas doses para esse público”, disse o secretário municipal da Saúde, Edson Aparecido.

Em adolescentes de 12 a 17 anos, foram aplicadas até esta terça-feira, 23, 893.268 primeiras doses, representando uma cobertura vacinal de 105,8%. Com relação à segunda dose, foram 338.553 aplicações, ou 40,1% de adolescentes.

A Secretaria Municipal de Saúde também pediu ao Ministério da Saúde e à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) a exigência do passaporte da vacina para estrangeiros. Há preocupação com a entrada dos visitantes no País sem a imunização contra a covid-19 nos próximos meses, com as festas de fim de ano e o carnaval.

Passaporte da vacina a estrangeiros

A prefeitura de São Paulo informou que encaminhou um ofício ao Ministério da Saúde e à Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) solicitando a exigência da apresentação do passaporte da vacina contra a Covid-19 para estrangeiros que ingressarem no país.

O documento, enviado ontem (23), foi assinado pelo secretário municipal da Saúde, Edson Aparecido, e tem o propósito de manter o controle da pandemia na capital paulista, além de conter os índices da taxa de infecção da doença. A prefeitura informou que a Anvisa e o ministério manifestaram o recebimento do documento.

Dados da prefeitura apontam que nesta terça-feira a cidade tinha taxa de 30% de ocupação nos leitos de enfermaria e 34% de UTI, e superou 99,7% da população vacinada com a segunda dose da vacina contra a Covid-19.

Para o secretário, com o recrudescimento da pandemia nos países estrangeiros, a preocupação de uma nova onda de covid-19 nas cidades brasileiras aumenta. “O Brasil é um país que recebe muita gente, de vários países, e precisamos adotar todas as estratégias para impedir a disseminação da doença. Aqui na capital, estamos adotando todas as possibilidades para combater as novas variantes e temos certeza que o ministro da Saúde Marcelo Queiroga já estuda o pedido”, disse Aparecido, em nota.

O Ministério da Saúde não confirmou o recebimento do documento, mas disse, em nota, que “os critérios para a entrada de estrangeiros ou brasileiros vindos do exterior ao país são elaborados de forma integrada e interministerial, visando sempre a segurança e o bem-estar da população brasileira”.

De acordo com a pasta, as orientações atuais para a entrada no país estão na Portaria Nº 658/2021, que exige, por exemplo, a apresentação de documento comprobatório, no momento do embarque, de resultado negativo ou não detectável para a Covid-19.

A portaria, que foi elaborada pela Casa Civil da Presidência da República e pelos ministérios da Justiça e Segurança Pública, Saúde e Infraestrutura, não estabelece a comprovação de vacinação como requisito para entrada no Brasil.

A Anvisa informou, em nota, que a decisão sobre regras para entrada no país não é definida por ela, mas sim pela Casa Civil e os ministérios citados acima. “A Anvisa, cumprindo seu papel nos termos da Lei nº 13.979/20, que é de expedir parecer de caráter assessorial, já apresentou posicionamento sobre o tema, e enviou nota técnica à Casa Civil da Presidência da República, para consideração dos ministros de estado.” O órgão não informou se seu parecer é contrário ou favorável à exigência de comprovação de vacinação por estrangeiros que ingressem no país.


Agência Estado/Agência Brasil/Dom Total



Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!



Outras Notícias

Não há outras notícias com as tags relacionadas.