Religião

29/12/2021 | domtotal.com

Instalado QR Code no monumento aos migrantes na Praça São Pedro

Com o QR Code, os visitantes podem explorar a realidade dos migrantes e refugiados através dos ensinamentos do Papa Francisco

Monumento dedicado aos Migrantes e Refugiados na Praça São Pedro
Monumento dedicado aos Migrantes e Refugiados na Praça São Pedro Foto (Vatican News)

Um instrumento de sensibilização para uma escultura dedicada aos inconscientes: este é o objetivo do QR Code que a partir de hoje, 29 de dezembro, estará no dentro de uma pequena placa sobre a obra "Angels Unawares". A escultura foi colocada há dois anos na Praça São Pedro, e foi criada pelo artista canadense Timothy P. Schmalz retratando em tamanho natural, uma multidão heterogênea de migrantes e refugiados. No seu centro, destacam-se as asas de um anjo, sugerindo a presença do sagrado. A escultura é inspirada em uma passagem bíblica: "Não vos esqueçais da hospitalidade, porque graças a ela alguns, sem saber, acolheram anjos” (Hebreus 13, 2). O QR Code permite o acesso a um site especial disponível em várias línguas: português, espanhol, inglês, francês e alemão. Aqui, os visitantes podem aprofundar mais sobre a história da escultura e, ao mesmo tempo, conhecer melhor a realidade dos migrantes e refugiados através do magistério do Papa Francisco.

De turistas a peregrinos

Inaugurada pelo Papa em 29 de setembro de 2019, por ocasião do 105º Dia Mundial do Migrante e do Refugiado, a escultura é feita de bronze e argila e tem como objetivo - disse Francisco há dois anos - "recordar a todos o desafio evangélico da acolhida". "Decidimos unir informações culturais e os ensinamentos da Igreja nos últimos anos, para ajudar os visitantes a passar de turistas a peregrinos no Vaticano", afirma o Cardeal Michael Czerny, subsecretário da Seção de Migrantes e Refugiados do Dicastério para o Serviço de Desenvolvimento Humano Integral. "Com este novo instrumento", destaca o cardeal, que sugeriu a criação da obra há dois anos, "pretendemos promover uma leitura complementar da escultura, que ajude a formar e a tomar consciência da realidade que ela expressa artisticamente".

A oração a todos os migrantes

Na Audiência Geral desta quarta-feira (29/12), o Papa Francisco focalizou sua catequese na figura de São José, apresentando-o como um "migrante perseguido e corajoso". Daí o convite aos fiéis para rezar "por todos os migrantes, todos perseguidos e todos aqueles que são vítimas de circunstâncias adversas: sejam políticas, históricas ou pessoais". Mas, pensemos nas muitas pessoas, vítimas das guerras, que querem fugir de sua pátria, mas não podem. Pensemos nos migrantes que começam o caminho para serem livres e morrem na estrada ou no mar; pensemos em Jesus nos braços de José e Maria, fugindo, e vejamos nele cada um dos migrantes de hoje. A migração de hoje é uma realidade para a qual não podemos fechar os olhos. É um escândalo social para a humanidade". O próprio Pontífice então invocou São José com estas palavras: "Vós que experimentastes o sofrimento de quem deve fugir vós que fostes obrigado a fugir para salvar a vida dos entes mais queridos, amparai todos aqueles que fogem por causa da guerra, do ódio e da fome. Ajudai-os nas suas dificuldades, fortalecei-os na esperança e fazei com que encontrem acolhimento e solidariedade. Guiai os seus passos e abri o coração de quantos os podem ajudar”..

Um apelo à misericórdia

“Angels Unawares" não é a única obra do artista Schmalz no Vaticano: também é sua a estátua "Homeless Jesus - Jesus Sem Teto" na entrada do Esmolaria Apostólica. A escultura em tamanho real retrata o Nazareno como um homem sem teto deitado em um banco, envolto em um cobertor e com seus pés descalços marcados pelos pregos da crucificação. O trabalho chegou ao Vaticano em 2016, no Ano da Misericórdia proclamado pelo Papa Francisco.


Vatican News



Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!



Outras Notícias

Não há outras notícias com as tags relacionadas.