Direito

13/01/2022 | domtotal.com

PSOL pede investigação de Queiroga e Bia Kicis por vazamento de dados de médicos

Médicos apresentaram argumento em defesa da imunização das crianças - 'uma postura contrária ao que o presidente Jair Bolsonaro e seus apoiadores vêm defendendo, dentre eles Bia Kicis', dizem os deputados do PSOL

Ministro da Saúde Marcelo Queiroga em coletiva de imprensa, em Brasília
Ministro da Saúde Marcelo Queiroga em coletiva de imprensa, em Brasília (SERGIO LIMA / AFP)

A bancada do PSOL na Câmara dos Deputados protocolou representação no Ministério Público Federal pedindo investigação sobre o envolvimento do Ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, e da deputada federal Bia Kicis (PSL) no vazamento de dados dos médicos pró-vacina após audiência pública sobre a imunização de crianças contra a covid-19.

Após o evento ser realizado no último dia 4 - sob críticas de diferentes especialistas -, dados como CPF, telefone e e-mail de três médicos - Isabella Ballalai, vice-presidente da Sociedade Brasileira de Imunizações; Marco Aurélio Sáfadi, da Sociedade Brasileira de Pediatria; e Renato Kfouri, diretor da Sociedade Brasileira de Imunizações - foram compartilhados em grupos bolsonaristas, a partir de documentos do Ministério da Saúde.

Na audiência, os médicos apresentaram argumentos contundentes em defesa da imunização das crianças de cinco a onze anos - 'uma postura contrária ao que o presidente Jair Bolsonaro e seus apoiadores vêm defendendo, dentre eles Bia Kicis', dizem os deputados do PSOL na representação.

Nesse contexto, os parlamentares consideram que 'há em curso um amplo e sistemático modelo de disseminação de fake news, vazamentos e ameaças, promovido pelo próprio Governo Bolsonaro, que impulsiona seus apoiadores à violência, trazendo graves consequências para a democracia, para a ciência e para a saúde da população brasileira'.


Agência Estado



Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!