Religião

10/03/2022 | domtotal.com

"Falar com sabedoria e ensinar com amor": uma tarefa para todos nós

A situação da educação, com o aumento do êxodo escolar e do déficit na aprendizagem, nos questiona e exige profunda conversão de todos nós.

Denilson Mariano*

Com o avanço da vacinação, aos poucos vamos podendo retornar a algumas atividades que foram suspensas por causa da pandemia do coronavírus. No entanto, a realidade que nos rodeia, já não é a mesma de antes. Muitas situações sociais, econômicas, políticas, climáticas e religiosas foram agravadas com a pandemia. Isso leva a certo sentimento de impotência e medo do futuro.

Neste ano de 2022, os bispos do Brasil nos convidam para, à luz da fé, refletir sobre a educação em nosso país, certos de que ela é indispensável para a construção de um mundo mais justo e fraterno. Somos convidados a não ser indiferentes à nova e desafiante realidade que se abre à nossa frente O objetivo principal desta Campanha da Fraternidade 2022 (CF 2022) é: Promover diálogos a partir da realidade educativa do Brasil, à luz da fé cristã, propondo caminhos em favor do humanismo integral e solidário.

O tema desta campanha é: Fraternidade e Educação. O lema que a ilumina e guia é tirada do livro dos provérbios: “Fala com sabedoria, ensina com amor” (cf. Pr 31,26). O Texto Base (TB) preparado pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) tem como pano de fundo a realidade atual agravada pela pandemia e a proposta do Papa Francisco do Pacto Educativo Global que foi lançado no dia 14 de maio de 2020, em Roma e no dia 31 de janeiro de 2021, no Brasil.

A situação da educação, com o aumento do êxodo escolar e do déficit na aprendizagem, nos questiona e exige profunda conversão de todos nós. Verdadeira mudança de mentalidade, reorientação da vida, revisão das atitudes e busca de caminhos que promovam o desenvolvimento pessoal integral, a formação para a vida fraterna em comunidade e para o exercício pleno da cidadania.

A Igreja do Brasil nos aponta que refletir e atuar a favor da educação é uma forma de viver a nossa penitência quaresmal. Olhando para Jesus, mestre e educador, reconhecemos que Ele passou a vida “falando com sabedoria e ensinando com amor”, até à sua doação total na cruz para a vida do mundo. Por meio d´Ele, reconhecemos que algo pode e deve mudar em nossa sociedade, em nosso país, principalmente, em nossas relações.

Neste sentido, o Papa convida a cuidar das fragilidades do povo e do mundo em que vivemos. Um convite que não é dirigido apenas aos cristãos, mas a todos os homens e mulheres da terra, a todas as pessoas de boa vontade. Para esse cuidado, a educação e a formação tornam-se prioritárias, pois nos ajudam a nos converter em verdadeiros sujeitos na Igreja e na sociedade, construtores do bem comum e da paz.

Esta CF 2022 faz eco à proposta do Papa Francisco no Pacto Educativo Global para que se alinhem, num esforço conjunto, família-escola-sociedade em um único objetivo de educar para além dos pensamentos simplistas e reducionistas de uma educação voltada apenas para aprender conteúdos. Trata-se de compreender e fazer da educação um processo de construção da cidadania global. Nessa empreitada, cada um tem o seu papel particular e o compromisso comunitário de formar um ambiente que eduque para a vida.

Estamos diante de um exercício concreto de fraternidade, que nos envolve, desde às atitudes mais pessoais e familiares, passando por nossa presença no ambiente de trabalho e de convivência social, para “falarmos com sabedoria e ensinar com amor”.

O Texto Base da CF 2022 segue os passos do método ver-julgar-agir em nova roupagem, explicitada pelo Papa Francisco como escutar, discernir, agir. Isso nos faz alargar nossa compreensão e aprofundar ainda mais nossa sensibilidade diante da situação das pessoas em relação à educação: uma educação que coloque a pessoa no centro, que gere compromisso comunitário, que seja comprometida com o diálogo e a paz, que promova uma economia solidária e seja comprometida com a ecologia integral. Falar com sabedoria e ensinar com amor é uma tarefa para todos nós.

*Doutor em Teologia, membro do Grupo de Pesquisa de Teologia Pastoral da FAJE-BH, Coordenador do Movimento da Boa Nova - Mobon, Redator da Revista O Lutador.

TAGS




Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!



Outras Notícias

Não há outras notícias com as tags relacionadas.