Meio Ambiente

21/06/2022 | domtotal.com

Milhares de pessoas abandonam suas casas após fortes chuvas no sul da China

Média das chuvas nas províncias de Guangzhou, Fujian e Guangxi entre o início de maio e meados de junho atingiu 621 milímetros

Imagem aérea das inundações na cidade de Wuyuan, na província chinesa de Jiangxi, em 20 de junho de 2022
Imagem aérea das inundações na cidade de Wuyuan, na província chinesa de Jiangxi, em 20 de junho de 2022 Foto (AFP)

Centenas de milhares de pessoas foram obrigadas a abandonar suas casas no sul da China após as chuvas mais intensas em décadas, que provocaram inundações e deslizamentos de terra, informou a imprensa estatal.

Veja o vídeo aqui.

As tempestades inundaram de maneira perigosa os cursos d'água da bacia inferior do rio das Pérolas, área de grande importância econômica por sua produção industrial e centros logísticos.

A média das chuvas nas províncias de Guangzhou, Fujian e Guangxi entre o início de maio e meados de junho atingiu 621 milímetros, a maior desde 1961, informou o Centro Meteorológico Nacional.

A imprensa estatal divulgou imagens de pessoas que foram levadas para escolas transformadas em abrigos temporários e centenas de barracas instaladas em uma pista esportiva na cidade de Shaoguan (Guangzhou), que emitiu um alerta vermelho para inundações na manhã de terça-feira.

Na província de Guangxi, a lama inundou áreas urbanas e as equipes de resgate precisaram retirar alguns moradores em botes infláveis.

As autoridades de Guangzhou disseram na segunda-feira que mais de 200.000 pessoas ficaram desabrigadas e os danos foram calculados em mais de 250 milhões de dólares.

A província de Guangxi registra as piores inundações desde 2005, segundo a imprensa local.

As autoridades meteorológicas disseram na segunda-feira que 28 rios da região ultrapassaram os níveis de risco. As chuvas prosseguiam nesta terça-feira.

A província de Jiangxi também emitiu um alerta vermelho para inundações na segunda-feira.

Mais de 220.000 pessoas abandonaram suas casas em Fujian desde o início do mês por esta situação, de acordo com a agência estatal Xinhua.

No início de junho, ao menos 21 pessoas morreram vítimas das chuvas na província central de Hubei.


AFP



Comentários
Newsletter

Você quer receber notícias do domtotal em seu e-mail ou WhatsApp?

* Escolha qual editoria você deseja receber newsletter.

DomTotal é mantido pela EMGE - Escola de Engenharia e Dom Helder - Escola de Direito.

Engenharia Cívil, Ciência da Computação, Direito (Graduação, Mestrado e Doutorado).

Saiba mais!



Outras Notícias

Não há outras notícias com as tags relacionadas.